Produtos

Plantas Medicinais

BARDANA - Arctium lappa

Clique na imagem
para ampliar

PLANTA ORNAMENTAL, MEDICINAL E CULINÁRIA. A Bardana (Arctium lappa) é também conhecida como Baldrana, Carrapicho-de-Carneiro, Carrapicho-Grande, Erva-dos-Pega-Massos, Lapa, Orelha-de-Gigante, Pegamassa, Pegamoço, Ruibarbo-Cigano, Gobo, dentre outros. Pertence a família Asteraceae. O nome do gênero Arctium é originário do grego arktos, que significa “aguente”, em referência aos carrapichos felpudos. Beurre (nome francês da planta) significa “manteiga”, vez que as as francesas embrulhavam bolos e manteiga em folhas de Bardana. Durante a Revolução Industrial, a Bardana era utilizada como uma planta medcinal para purificar as pessoas que ficavam muito expostas a poluição emanada das indústrias e também para aliviar o cansaço diário.

Usos: Usos Tradicionais: abscesso, acne, câncer, cândida, caspa, catapora, caxumba, cistite, congestão linfática, contusões, deslocamentos, dor de garganta, dores comuns, eczema, edema, estafilococo, febre, gripe, gota, hipoglicemia, icterícia, inchaço glandular, inchaços no joelho, indigestão, infecções urinárias, irritabilidade, lombriga, obesidade, pele oleosa, pneumonia, prolapso uterino, psoríase, raiva, resfriados, reumatismo, sarampo, sarna, tosse, urticárias. Propriedades Medcinais: afrodisíaco, antibacteriano, antifúngico, antiinflamatório, antitumor, colerético, demulcente, diaforético, diurético, febrífugo, galactagogo, hipoglicêmico, laxante, mucilaginosas, nutritivo, rejuvenescedor. É um laxante moderado. A Bardana ajuda na eliminação de ácido úrico. A erva contém poliacetilenos que tem propriedades antibacterianas e antifúngicas. Melhora a função de órgãos como o fígado, rins e intestinos, além de proporcionar uma melhora geral na condições de saúde. O suco da Bardana é consumido na medcina alternativa para libertar o corpo de sarnas e óbolos. O banho com a erva é utilizado popularmente para juntas doloridas e gota. Compressas são feitas para inchaços glandulares, inchaços no joelho, deslocamentos e contusões. Enxaguar o cabelo com a erva combate a caspa. A aplicação na face ajuda a tirar a oleosidade da pele. As folhas são aplicadas para combater lombrigas. No Havaí, as raízes da erva são apreciadas por seus poderes afrodisíacos. Na culinária, as folhas jovens podem ser cozinhadas e comidas. Os talos podem ser descascados e comidos cru ou cozidos como um legume. A raiz é acrescentada a sopas, guisados, frituras e sukiyaki. As raízes também podem ser assadas e usadas como um substituto ao café. As sementes devem ser evitadas durante o primeiro trimestre da gravidez.

Cultivo:

Nativa: Europa

Família: Asteraceae

Disponibilidade: Envelope com 10 sementes R$ 9,99

Mais informações:

Planta Mundo © 2011